domingo, outubro 16, 2011

"Ah sim"..


Bom, eu não sei por onde começar... Nosso amor nasceu de uma noite de insônia e meias palavras sobre música e livros.

Eu não sabia quem era você, do que gostava ou porque fugia. Seus olhos tinham algo de incomum, e sua voz algo de diferente com um tom a mais. Você me intrigava, e tínhamos amigos em comum.

Tu tocavas violão, e eu guardava comigo cifras de uma canção. Não à toa, você cantou e tocou “The miracle of Love”, e eu me apaixonei.

Aquelas tardes sem nada para fazer, conversas metafísicas e parcerias que tiveram tudo haver. Você invadiu o meu “porão” e eu os “brejos” do seu coração.

Eu te entendo com um único olhar, com um gesto ou um “bom dia”. E você me guia até nos dias mais nublados, nas ocasiões perdidas e nos dramas do “fator Deus”.

Posso te contar um velho segredo?
Você ta aqui

P.s: Vou começar com minha serie de homenagens de novo, e esta primeira vai para minha linda Rita de Cássia, que faz aniversário no dia 20/10. Parabéns nega!!! Sucesso!

3 comentários:

Luna Sanchez disse...

Ooooooooooh...duas queridas minhas!

^.^

Parabéns pra Rita, felicidades mil!

Beijos pras duas!

Crispi. disse...

Se toca violão, já ganha me ganha um pouco hehe

Beijos!

Jessie ❥ disse...

AAAh que palavras bonitas (: